Fiabilidade de um negócio

Recentemente, um membro da minha equipa, numa das apresentações de negócio que realizou, foi confrontado por um dos prospetos presentes com a afirmação que a nossa oportunidade de negócio não era fiável, pela simples razão, que ao contrário das outras duas empresas com que esse prospeto trabalhava, nós não prometíamos fortunas aos nossos prospetos.

Quando soube do sucedido, perguntei em jeito de brincadeira ao meu membro, qual seria a razão pela qual esse prospeto trabalha com duas empresas fiáveis e mesmo assim, estava à procura de outra marca! 🙂

É possível ganhar “fortunas” com o marketing multinível? A resposta é sim, e isso aplica-se a todas as empresas, independentemente da área de negócio.

Mas… a fiabilidade de um negócio depende das promessas de ganhos astronómicos? Sinceramente, não acredito nisso, razão pela qual, nas apresentações de negócios que a minha equipa faz, não aplicamos essa abordagem, não “iludimos” os nossos prospetos.

Muitos poderão achar muito forte dizer que os prospetos são iludidos quando lhes prometem que irão atingir a sua tão desejada liberdade financeira, mas essa é realmente a verdade.

Para esse prospeto, uma empresa é fiável se as pessoas andarem a ser iludidas, se lhes prometerem que irão ter sucesso sem fazerem nada, sem precisarem de falar com ninguém, sem precisarem de recrutar ninguém, sem precisarem de vender nenhum produto ou serviço… sim, isto é realmente o que as pessoas querem ouvir… atingir a sua liberdade financeira sem terem de fazer rigorosamente nada… mas… será isto realmente o que acontece em no Marketing Multinível ou na “vida real”?

Todos nós sabemos que não! Todos podemos ter sucesso, mas para isso, devemos ter uma abordagem ética no desenvolvimento e construção do nosso negócio. Não iluda os seus prospetos, pois quando acordarem, eles irão deixar a sua empresa, não tirando por isso o retorno de todo o trabalho que teve a recrutar e formar essas pessoas.

Quando à fiabilidade de um negócio, no meu entender, depende de fatores como ter um plano de marketing equilibrado, produtos com preços acessíveis para os clientes finais e claro, produtos que eles realmente precisam e usam no dia-a-dia….

Mas claro… esta é a minha opinião, e felizmente, todos nós podemos ter a nossa própria opinião 😉

Alfredo Pinto

PS: Pretende ter sucesso e ser um Líder em Marketing de Rede? Trabalhe diretamente comigo e siga um plano de ação com provas dadas! Saiba mais aqui!

Deixar uma resposta